Notícias

Mensagens revelam as últimas conversas entre a jovem que morreu durante REL4ÇÃO SEXU4L com jogador do Corinthians, eles t… Ver mais

A tragédia envolvendo a adolescente Livia e Dimas, um atleta da equipe sub-20 do Corinthians, veio à tona através de suas trocas de mensagens, reveladas pelos programas Domingo Espetacular, da Record, e Fantástico, da Globo. Esses diálogos, obtidos de seus dispositivos celulares, detalham os eventos que culminaram na morte da jovem.

Livia, uma estudante de enfermagem de 19 anos, e Dimas, um atleta de 18 anos, haviam combinado de se encontrar na última terça-feira (30) na casa do jogador. No entanto, o encontro resultou em uma tragédia, com a morte da jovem devido a uma ruptura na escavação retouterina, de acordo com o atestado de óbito.

As mensagens trocadas entre eles em abril de 2023 sugerem que já se conheciam há algum tempo. Embora a mãe de Livia tenha afirmado que ela não mencionava Dimas como namorado, mas como um amigo, suas conversas frequentes desde janeiro deste ano indicavam uma relação mais próxima.

As circunstâncias do encontro entre eles são controversas. Relatos sugerem que Dimas teria convidado Livia para seu apartamento, enquanto a família afirma que planejavam sair juntos. Há divergências sobre se este seria o primeiro encontro presencial entre os dois.

O advogado de Dimas negou a existência de um encontro anterior, enquanto o pai de Livia afirmou ter sido informado pelo jogador sobre encontros anteriores. A versão da família é de que os dois planejavam sair para jantar, não para ir ao apartamento.

Em mensagens, Livia e Dimas demonstravam afeto um pelo outro, e a jovem mencionou a uma amiga que estavam quase namorando. No entanto, a troca de mensagens também revelou que Livia disse à mãe que iria a um bar com amigos para assistir a um jogo.

Segundo o relato de Dimas, durante o encontro eles estavam sozinhos, fumaram cigarros eletrônicos e tiveram relações sexuais, que ele afirma terem sido consensuais e com uso de preservativo. Após uma segunda relação sexual, ele percebeu um sangramento na jovem, que posteriormente desmaiou.

O comportamento de Dimas após a tragédia levantou suspeitas por parte da família de Livia. O jogador tinha uma passagem comprada para sua cidade natal após o encontro, e o pai de Livia questionou se houve abuso sexual. O advogado do jogador negou qualquer crime e afirmou que ele está cooperando com as investigações.

Parentes de Livia desconfiam das circunstâncias da morte e da possível participação de mais pessoas no ato. Eles questionam a presença de outros indivíduos no hospital e apontam marcas no corpo da jovem. O advogado da família exigiu uma investigação completa sobre a relação sexual e possíveis objetos que possam ter causado o sangramento.

Dimas já prestou depoimento à polícia e está cooperando com as investigações. Seu advogado declarou que ele está abalado com a situação e respeita o momento da família de Livia.