Notícias

Engenheira de 30 anos e mais 3 homens: quem são as vítimas fatais de desabamento em BH

Quatro trabalhadores morreram em um trágico incidente de soterramento ocorrido em uma obra situada no bairro Belvedere, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, na manhã da última terça-feira (17). Uma quinta pessoa que estava no local ficou ferida, mas, felizmente, sobreviveu.

O acidente aconteceu em um projeto de construção civil que estava em andamento na capital mineira. Segundo as informações iniciais fornecidas pelo Corpo de Bombeiros, o incidente ocorreu enquanto os trabalhadores estavam envolvidos na limpeza da área e preparavam o escoramento de um talude de três metros de altura, que tinha a função de conter a inclinação do terreno. Infelizmente, a estrutura cedeu repentinamente, levando ao soterramento dos funcionários.

Acidente 

O tenente do Corpo de Bombeiros, Felipe Biasibetti, explicou que o talude, onde o trabalho de fundação estava sendo executado, apresentava um corte em ângulo reto e, inicialmente, não estava escorado. Essa fragilidade resultou no desabamento do terreno e no soterramento dos trabalhadores.

O incidente afetou cinco pessoas que estavam envolvidas na obra de construção, resultando na trágica morte de quatro delas. Uma sexta pessoa conseguiu escapar do desmoronamento, evitando ferimentos graves. A Kaeng Construção LTDA, responsável pela obra, lamentou as mortes. A prefeitura informal que a construção havia sido autorizada. As quatro vítimas foram identificadas.

Engenheira é uma das vítimas

A engenheira Juliana Angélica Menezes Veloso, que também estava presente no local, foi socorrida com vida pelo helicóptero Arcanjo do Corpo de Bombeiros e transportada para o Hospital João XXIII. Infelizmente, ela não conseguiu sobreviver aos ferimentos. O sepultamento das vítimas aconteceu na manhã desta quarta-feira.